Acompanhamento de 30-60-90 dias dos novos colaboradores

Acompanhamento de 30-60-90 dias dos novos colaboradores
Henrique Tavares 9 de junho de 2022 9 min de leitura

Já se sabe que um bom processo de integração de funcionários é muito importante para o futuro da empresa e o seu bom desenvolvimento perante ao mercado. Contudo, os primeiros 90 dias de novos colaboradores contratados na instituição precisam de um acompanhamento ainda mais presente e robusto por toda a equipe selecionada para este fim.

Acompanhar os novos colaboradores significa orientar, ensinar, conduzir e estar presente para mostrar tudo que ele precisa saber para realizar as suas atividades com o maior envolvimento, comprometimento e atividade possível.

Por isso, para ter os funcionários da sua empresa ainda mais produtivos e engajados desde o primeiro dia de trabalho, acompanhe esse artigo que preparamos para você. Assim, descubra como montar um programa de acompanhamento de 30, 60 e 90 dias.

Boa leitura!

Importância de realizar um acompanhamento dos novos colaboradores

Quando um novo funcionário inicia as suas atividades em uma nova instituição, normalmente, ele está muito motivado, comprometido, determinado e com muita sede de aprender sobre as suas novas atividades e cultura organizacional da empresa.

Com isso, se neste momento, ele não receber um bom acompanhamento da organização, o colaborador tende a se desmotivar. Assim, ele pode começar a pensar em procurar outras oportunidades em outras instituições.

Em consequência disso, o processo de onboarding da empresa fica ineficiente. A integração de funcionários se torna falha, promovendo também uma baixa taxa de retenção de talentos para a organização e, posteriormente, maiores prejuízos para outros setores e departamentos.

Portanto, fazer um excelente acompanhamento desde o primeiro dia do novo contratado faz toda a diferença. Ademais, é crucial para um bom crescimento e desenvolvimento da organização. Visto que, com o aumento da retenção de talentos, a empresa se torna propícia para escalar em um menor período de tempo por causa, principalmente, dos funcionários mais engajados e produtivos com os seus trabalhos.

Acompanhamento estratégico e robusto

Contudo, é muito importante fornecer um acompanhamento estratégico e robusto para os novos contratados. Isto é, desde o seu êxtase de motivação, onde eles estarão mais abertos para aprender, tirar dúvidas, entender sobre a cultura organizacional da empresa e, também, estarão mais dispostos para se envolverem com as suas atividades.

Além disso, já é constatado que prosseguir com o acompanhamento por até 90 dias também é fundamental. Já que, durante o passar do tempo, o novo funcionário pode ficar menos motivado e comprometido.

Por isso, manter o acompanhamento de maneira progressiva e contínua por até 3 meses, pode provocar uma maior vontade de ficar e fazer o colaborador manter em níveis altos a sua motivação e engajamento com o trabalho.

Portanto, um bom processo de acompanhamento dos novos contratados, além de aumentar a retenção de talentos da empresa, também faz com que os funcionários fiquem mais produtivos, engajados, motivados e satisfeitos tanto com o trabalho, quanto com a instituição.

Saiba mais sobre o que é onboarding, processos e como implementar na sua empresa, clicando aqui!

Como estruturar o programa de acompanhamento dos novos colaboradores?

Para organizar um bom programa de acompanhamento que funcione da maneira esperada, é importante que a empresa selecione alguns membros da equipe que tenham habilidades para tal atribuição.

Portanto, o mais indicado é que os selecionados possuam uma boa experiência na empresa e tenham características necessárias para acompanhar, de forma eficiente, os novos contratados. Dessa forma, é possível garantir um processo de integração mais tranquilo para todos!

Por isso, determine quem fará parte do programa de acompanhamento de 30, 60 e 90 dias. Para isso, é importante ter membros da equipe com funções de:

  • Gerente;
  • Realização das novas contratações de maneira direta;
  • Gerente de operação de pessoas.

Após definir os membros que farão parte do programa de acompanhamento, chegou o momento de montar o cronograma de 30, 60 e 90 dias. É muito importante que isso seja bem organizado antes de lançar o programa de acompanhamento na sua empresa. Para que assim, todos tenham um caminho bem planejado para seguirem e alcançarem o resultado almejado.

Por isso, se reúna com os membros da equipe e defina quais são os objetivos deste programa. Mas também, qual é a função de cada membro e gere um modelo de perguntas de 30, 60 e 90 dias para que o gerente consulte e coloque em prática no momento do acompanhamento com os novos contratados.

Além disso, no primeiro dia agendado para o início do programa de acompanhamento, é fundamental que o gerente crie um plano de check-in de 30, 60 e 90 dias para os novos funcionários contratados. Inclusive, é crucial deixar agendado todas as reuniões que acontecerão nesses 3 meses e anotar no calendário do novo colaborador.

Exemplos do que fazer em cada período

1 – Acompanhamento de 30 dias dos novos colaboradores

Nos primeiros 30 dias, é preciso que o acompanhamento seja mais direcionado aos pontos iniciais. Tais como: período de descobertas, habilidades novas desenvolvidas pelo colaborador, o que ainda precisa ser desenvolvido, reforços sobre a cultura organizacional da empresa, entre outros.

Por isso, neste momento, é importante que o gerente revise todas as experiências e aprendizados desses primeiros 30 dias do novo contratado na empresa. Além disso, é o momento também de realizar o check-in de 30 dias e analisar tudo que foi cumprido e, caso alguma atividade não tenha sido realizada, o gerente precisa verificar o motivo para a falha e como isso pode ser melhorado.

Após isso, é crucial que o gerente atualize o check-in de 60 dias e colete feedbacks pessoais e da equipe. Isso é fundamental para saber se o programa de acompanhamento está funcionando conforme o objetivo ou se precisa melhorar em alguns pontos para novas contratações.

Além disso, o membro que ficará responsável pelas novas contratações, precisará manter a conclusão de metas atualizadas e acompanhar o feedback dos novos funcionários em relação às suas experiências com o programa de integração ao decorrer desses 30 dias.

2 – Acompanhamento de 60 dias

Na segunda reunião do acompanhamento, é importante que o gerente revise como foi os 60 primeiros dias do novo funcionário na empresa. Neste encontro, as perguntas podem ser direcionadas para o nível de satisfação, produtividade e envolvimento com os trabalhos.

Em seguida, o gerente precisa analisar o check-in de 60 dias e verificar se as atividades foram cumpridas como o combinado. A partir das respostas, é necessário atualizar o check-in de 90 dias.

Após isso, é crucial coletar o feedback pessoal e da equipe também nesta reunião. Pois, é fundamental saber se o programa de acompanhamento está caminhando como o planejado também nesses 60 dias.

Além disso, o funcionário responsável pelas contratações dos novos colaboradores também precisará manter a conclusão de metas atualizadas. Mas ele também deve acompanhar, frequentemente, o feedback dos novos contratados sobre as suas experiências com o programa de integração ao longo desses 60 dias.

3 – Acompanhamento de 90 dias

Por fim, na terceira e última reunião do programa de acompanhamento, é crucial que o gerente revise todos os últimos 90 dias dos novos contratados na empresa. Neste encontro, além de perguntas, também pode ser feito algumas ações. Tudo isso, com o objetivo de fazer com que os novos funcionários se sintam ainda mais dispostos a continuar na instituição pelo maior tempo possível.

Além disso, o gerente também pode discutir e determinar metas e métricas de funções futuras para os novos contratados. Além de programar uma revisão de metas recorrente para os novos funcionários.

Após isso, é muito importante que o gerente de operação de pessoas colete feedbacks do gerente e dos novos contratados. Assim, a empresa terá ainda mais certeza se o programa de acompanhamento está, inteiramente, bem elaborado ou se precisa sofrer modificações.

Acompanhar os gestores diretos também é importante

O programa de acompanhamento não precisa ser restrito, apenas, para os novos funcionários contratados. Pelo contrário, é muito importante que a empresa realize o acompanhamento também com os seus gestores, principalmente, no primeiro lançamento do programa.

Isto porque, é fundamental que a empresa se mantenha atualizada e informada sobre todo o programa de acompanhamento dos novos funcionários. Mas também, se os gestores estão conseguindo ter uma boa adaptação em conduzir o programa e, consequentemente, realizando-o de acordo com o objetivo almejado.

Portanto, a instituição pode montar um cronograma de encontros programados e agendados com os seus gestores. Além disso, pode montar check-ins, coletar feedbacks, planejar melhorias e organizar os próximos passos para que o programa de acompanhamento seja feito da melhor maneira possível. E em todas as novas contratações.

Conclusão

Um funcionário bem acompanhado e treinado, além de otimizar a retenção de talentos da empresa, também ajuda a diminuir os custos financeiros da instituição. Visto que, um colaborador que permanece em, no mínimo, mais de um ano na organização, faz com que a empresa reduza os seus custos financeiros e custos de tempo para novas contratações.

Portanto, realizar um bom programa de acompanhamento vai muito além de apenas promover um bom processo de integração de funcionários. Isto porque, a presença de colaboradores mais ativos, engajados e comprometidos, é uma verdadeira ponte para um melhor crescimento e desenvolvimento da instituição.

Com isso, a empresa que investe em um programa de acompanhamento de funcionários de 30, 60 e 90 dias, possui maiores vantagens de escalar em comparação com outras instituições presentes no mercado.

Conheça o programa de padrinhos e como ele pode melhorar a integração da sua equipe. Descubra a importância e as características de um bom padrinho. Além disso, tenha o passo a passo para criar um programa de padrinhos de sucesso no nosso ebook. Baixe gratuitamente!


Compartilhe esse conteúdo